afdad

No final de outubro de 2020, o VIENNALE - Festival Internacional de Cinema de Viena atrai ao centro da capital vienense numerosas individualidades ligadas ao panorama da cinematografia.

Na edição deste ano, a decorrer entre os dias 22 de outubro e 1 de novembro de 2020, e na continuação do que vem sucedendo em edições anteriores, serão exibidas produções nacionais.

A curta-metragem "Chuva Acalanta a Dor" (2020), uma coprodução luso-brasileira, com argumento de Leonardo Mouramateus e Mauro Soares passa, no dia 26 de outubro, no Filmmuseum e repete, no dia 30 de outubro, no Le Studio.

"Desterro" (2020), a longa-metragem de Maria Clara Escobar, produzida pela TerraTreme, tem apresentação, no dia 27 de outubro, no Filmcasino e, no dia 31de outubro, no Urania.

Outra produção nacional com exibição no festival é a premiada realização de Catarina Vasconcelos, intitulada "A Metamorfose dos Pássaros" (2020), com três sessões: 23 de outubro, no Blickle Kino; 30 de outubro, no Urania; e 31 de outubro, no Filmmuseum. A realizadora é uma das convidadas do festival e desloca-se a Viena com o apoio do Camões, I.P.

Pode consultar mais informação sobre a programação do Festival aqui.

  • Partilhe